Strict Standards: Declaration of JParameter::loadSetupFile() should be compatible with JRegistry::loadSetupFile() in /home/potygua/public_html/libraries/joomla/html/parameter.php on line 512

Festas e Tradições

   O calendário nacional está repleto de festas e tradições folclóricas. Muitas vezes, uma mesma manifestação adquire características próprias conforme a região onde seja realizada, mas as variações também fazem parte da expressão da cultura e da história popular.

       Afoxé Cortejo que sai pelas ruas de Salvador desde 1922. Acontece também em Fortaleza e no Rio de Janeiro. Os participantes   cantam em dialetos africanos, acompanhados de atabaques, agogôs e cabaças. Por ter origem religiosa ligada ao candomblé é conhecido como candomblé de rua.

         Os desfiles mais famosos acontecem durante o Carnaval da Bahia

Bandas de Pífano Também denominadas de Zabumba. Esquenta-Mulher, Carapeba, etc. surgem em todos os Estados Nordestinos e em partes do Estado de Goiás e em Diamantina, Minas Gerais, evidente que com feições próprias e locais. O grupo é composto por dois pífanos, um tambor, um tarol, um bombo (ou Zabumba) e um par de pratos e outros instrumentos como triângulos, ganzá etc.

Esses conjuntos têm origem ou aculturação portuguesa, se bem que com traços da cultura de Provença (França). Data do século XVIII o aparecimento dessas orquestras. Seu repertório consta de ritmos tradicionais como abaianado, Bendito, Alva roda, Galope, Martelo, etc., recebendo influências da

música Popular Urbana e de Bandas de Música municipais.

Bumba-meu-boi O bumba-meu-boi, representado em quase todo o Brasil, com pequenas variações de nome e estilo, é uma apresentação popular cuja  figura central é um boi, feito de uma armação de madeira recoberta de tecido vistoso, que se movimenta e dança rodeado por um grupo de vaqueiros.

Durante o auto, o boi é atingido por um forte golpe de um dos vaqueiros e morre. Depois, seja pela ciência ou feitiçaria, o boi é ressuscitado mediante o oferecimento de ouro, fazenda, gado, engenho - de - açúcar ou moça bonita. Em alguns casos, o boi não ressuscita e seus restos são distribuídos entre os participantes. A representação é acompanhada por músicas tocadas por vários instrumentos e, às vezes, também por um coro de cantadeiras (única função que pode ser desempenhada por mulheres) ou uma só cantora.

       As origens do bumba-meu-boi são desconhecidas, mas com certeza trata-se de um referencial característico do folclore brasileiro, pois não se encontra em nenhum outro país, salvo alguns lugares da África, para onde foi levado por imigrantes brasileiros.

       Cambindas

 Dança-cortejo, sem enredo ou drama, na qual as cantigas dançadas fazem referências a assuntos do cotidiano e santos católicos. Embora cultuem São Benedito, nos cânticos não há a menor referência a seu nome, nem o grupo possui ligações com as religiões afro-brasileiras.